Remédios para Vertigem

A maneira mais eficaz de tratar as doenças que causam tontura é descobrindo a causa do problema e direcionando o tratamento para isso. Infelizmente, a maioria dos doentes com problemas do labirinto procuram um "remédio para labirintite", mas, no entanto, seu diagnóstico costuma ser outra doença do labirinto. Algumas doenças do labirinto, como a doença de Menière, requerem remédios específicos. Outras doenças, como VPPB, Cinetose e síndrome vestibular deficitária idiopática, por exemplo, em geral, são tratadas com outras terapias, não medicamentos, e tem, muitas vezes, resultados definitivos (muitas vezes, cura).

É muito comum, no entanto, que as doenças que causam tontura requeiram o uso de medicamentos. É importante o paciente entender para que está usando o medicamento, pois há medicamentos que objetivam tratar o problema (como betaistina ou nortriptilina, por exemplo), e há medicamentos que servem para inibir os sintomas (como meclizina e flunarizina). Entendendo isso, o paciente consegue colaborar com seu tratamento de forma mais ativa.

 

De forma geral, o uso de medicamentos sintomáticos não deve ser usado por períodos prolongados, o que, infelizmente, ainda vemos acontecer frequentemente. Pessoas usando clonazepan ou flunarizina diariamente, em geral, além de não resolver a doença, aumenta o risco de complicações, como quedas e tremores (semelhantes a doença de Parkinson). No caso dos benzodiazepínicos, há ainda o grande risco de dependência química. Clonazepan, Bromazepan, Diazepan, etc, são tarja preta justamente pela dependência química que suas substâncias causam.

​SIGA-ME

  • doctoralia
  • Facebook Classic

© 2015-2017 por MÁRCIO SALMITO criado com Wix.com

Dr Márcio Salmito

Médico Otorrino

Otoneurologia